Ferramentas Pessoais
Seções

Ir para o conteúdo. | Ir para a navegação





Página Inicial escritorios_regionais Escritórios Regionais

Escritórios Regionais

Escritório Regional do Ceará

 

 O Ceará foi o terceiro estado da região Nordeste a ter uma representação do DIEESE. Um movimento conduzido por várias categorias profissionais realizou, em 16 de outubro de 1985, uma assembléia para fundação do Escritório Regional.

Nesta assembléia foi eleita uma Comissão Provisória, que tinha por objetivo acertar detalhes para a formalização do DIEESE no estado. Era composta pelos Sindicatos dos Economistas, dos Bancários, dos Comerciários, da Água e do Esgoto, dos Farmacêuticos e dos Administradores e Petroleiros. Outros dois sindicatos, além destes que formavam a Comissão Provisória, estiveram à frente de toda a mobilização para a fundação do DIEESE: o dos Médicos e o dos Jornalistas.

Em 20 de novembro de 1985, ocorreu a Assembléia Geral de Sócios do Ceará, que aprovou a instalação do DIEESE e elegeu a primeira direção sindical regional da entidade, cuja formação foi a mesma da Comissão Provisória, com exceção do Sindicato dos Comerciários. Sete dias após esta assembléia, em São Paulo, durante realização da Assembléia Geral Nacional de Sócios do Departamento, a instalação do Escritório Regional e da diretoria é referendada pelos presentes.

A primeira sede no DIEESE foi instalada no Sindicato dos Bancários, onde permanece até hoje. Nesta entidade funcionou durante a década de 90 uma subseção do DIEESE, fechada por razões financeiras.

Durante os primeiros meses, o escritório funcionava com o apoio técnico de um dirigente do Sindicato dos Economistas (Alberto Teixeira) que, desde o início, articulou a abertura do ER CE. Ele acumulava a função de diretor regional e supervisor do DIEESE. Em abril de 1986, Luís Julian Quintana Marin assumiu a supervisão técnica. Em 1989, Marlene Casela o substituiu, permanecendo no cargo até setembro de 2003, quando deixou o DIEESE e o cargo passou a ser ocupado por Reginaldo Aguiar da Silva.

O DIEESE cresceu muito no Ceará durante os primeiros anos de atuação do Escritório, no entanto, muitos sócios tinham dificuldades para manter a entidade. No final da década de 80, a equipe do DIEESE fazia um grande esforço para ampliar a arrecadação sindical no estado. Este trabalho de recuperação financeira culminou com a realização de uma festa (A Festa dos Números), que mobilizou grande parte do movimento sindical da região para a importância da manutenção entidade no estado.

http://www.dieese.org.br/ers.xml

Ações do documento